1- Incumbe ao trabalhador a prova do invocado despedimento, por parte da entidade empregadora.

2- Da instauração de processo disciplinar (com suspensão de funções) e da falta de pagamento das retribuições não é possível concluir pela verificação de despedimento tácito.

3- Na falta de prova do despedimento ilícito (causa de pedir da acção), deveremos concluir que está ferida de nulidade e vai para além do pedido a sentença que condena no pagamento de salários devidos depois da data do invocado despedimento, com fundamento na vigência do contrato.

Veja aqui: